As atividades de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidas em cada departamento refletem a diversidade de atuação e interesse dos professores. Cada departamento possui laboratórios específicos, cuja infra-estrutura encontra-se em projeto de reformulação com vistas a sua expansão e modernização. Nesses laboratórios são desenvolvidas diversas linhas de pesquisa que coadunam com os programas de pós-graduação de cada departamento, conforme descrito a seguir:

 

O Departamento de Processos Psicológicos Básicos (PPB) conta atualmente com quatro Laboratórios de:

    1. Análise Experimental do Comportamento;
    2. Aprendizagem Humana;
    3. Processos Cognitivos;
    4. Psicobiologia.

 

As pesquisas do Programa de Pós-graduação em Ciências do Comportamento (PPG-CdC) estão inseridas nas duas áreas de concentração desse programa:

  1. Análise do Comportamento, com duas Linhas de Pesquisa:
    1. Processos Comportamentais Básicos;
    2. Análise Comportamental Aplicada.
  2. Cognição e Neurociências do Comportamento, também com duas Linhas de Pesquisa:
    1. Cognição, Percepção e Sensação;
    2. Cérebro, Drogas e Comportamento.

 

O Departamento de Psicologia Escolar e do Desenvolvimento (PED) apresenta sete Laboratórios de:

  1. Desenvolvimento Familiar;
  2. Microgênese das Interações Sociais;
  3. Saúde e Desenvolvimento Humano;
  4. Psicologia do Conhecimento;
  5. Condições Adversas;
  6. Psicogênese;
  7. Psicologia no Espaço Público e Relações Interdisciplinares.

 

As pesquisas do Programa de Pós-graduação em Processos de Desenvolvimento e Saúde (PGPDS) estão inseridas nas duas áreas de concentração desse programa:

  1. Desenvolvimento Humano e Educação, com três linhas de pesquisa:
    1. Processos de Desenvolvimento e Cultura;
    2. Processos Educativos e Psicologia Escolar;
    3. Desenvolvimento Familiar.
  2. Psicologia da Saúde, com a linha de pesquisa:
    1. Processo Saúde-Doença.

 

O Departamento de Psicologia Clínica (PCL) conta com cinco Laboratórios:

  1. Grupo, família e Comunidade;
  2. Psicopatologia e Psicanálise;
  3. Psicanálise dos Processos de Subjetivação;
  4. Estudos de Dependência Química – PRODEQUI;
  5. Psicoterapia e Saúde Mental que amplia o contexto de ensino e pesquisa para os cursos de graduação e extensão.

 

O Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica e Cultura (PSICC) oferece a área de concentração: Psicologia Clínica e Cultura, que está fundamentada em cinco linhas de pesquisa:

  1. História e Epistemologia da Psicologia Clínica;
  2. Processos Interacionais no Contexto do Casal, da Família, do Grupo e da Comunidade;
  3. Psicanálise, Subjetivação e Cultura;
  4. Psicopatologia, Psicoterapia e Linguagem;
  5. Saúde Mental e Cultura.

 

O Departamento de Psicologia Social e do Trabalho (PST) apresenta doze Laboratórios:

  1. META - Laboratório de Métodos e Técnicas de Avaliação;
  2. LTDI - Laboratório de Psicologia do Trabalho, Diversidade e Identidade;
  3. LPS - Laboratório de Psicologia Social;
  4. LPA - Laboratório de Psicologia Ambiental;
  5. LPCT - Laboratório de Psicodinâmica e Clinica de Trabalho;
  6. LASI - Laboratório de Avaliação de Sistemas Instrucionais;
  7. LAPsiS - Laboratório de Psicologia Social do Desenvolvimento;
  8. LADCO - Laboratório de Diversidade e Cultura nas Organizações;
  9. LabPAM - Laboratório de Avaliação e instrumentação psicológica;
  10. LABAMO - Laboratório de aprendizagem, processos psicossociais e mudança nas organizações;
  11. ECOS - Laboratório de Ergonomia da Atividade, Cognição e Saúde;
  12. CEO - Laboratório de Cognição e Efetividade nas Organizações.

 

No que concerne às linhas, elas são:

  1. Aprendizagem, processos psicossociais e mudança nas organizações;
  2. Avaliação e instrumentação psicológica;
  3. Conteúdos e processos psicossociais do comportamento humano;
  4. Cultura, organizações e bem-estar;
  5. Processos de trabalho, ergonomia da atividade e saúde;
  6. Psicologia ambiental.